INTERNACIONALIZAÇÃO

NÚMERO UNIVERSAL DE PROJECTO
NORTE-02-0752-FEDER-013663
DENOMINAÇÃO
Internacionalização de tecnologia Holografica e de RA
MEDIDA
SI Qualificação e Internacionalização - PME - Proj.Individuais
AVISO
19/SI/2015 - INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DAS PME (Projetos Individuais - Internacionalização)
AUTORIDADE DE GESTÃO
Programa Operacional Regional do Norte
ORGANISMO INTERMÉDIO
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal, E.P.E.
DATA DE CANDIDATURA
2015-09-18
DATA DE INICIO DE INVESTIMENTO
2016-01-01
DATA DE FIM DE INVESTIMENTO PREVISTO
2018-06-30 (inclui prorrogação)
MONTANTE ELEGIVEL ENVOLVIDO
142.607,50€
INCENTIVO ATRIBUÍDO
64.173,38€
NATUREZA DO INCENTIVO
Não Reembolsável
LOCALIZAÇÃO DO PROJECTO
Braga

RESUMO DO PROJECTO

Os investimentos previstos neste Projeto visam, de forma objectiva, internacionalizar os serviços da empresa. Para tal a empresa pretende participar em feiras internacionais especificamente dedicadas ao comercio digital e aos serviços WEB.

Outra forma de promover os serviços e produtos da empresa junto desses clientes/parceiros é através de viagens de prospecção e apresentação directa para captar novos clientes. Neste tipo de produtos o esforço comercial é enorme pois as apresentações e abordagens estendem-se no tempo, dai a necessidade contratar um comercial especialmente dedicado a esta função internacional.

Esta nova fase do ciclo de vida da empresa obriga a introdução de novas e inovadoras práticas de gestão e comerciais ao nível da empresa. Tal será efectuado com a incorporação das melhores praticas do mercado, sistemas de informação para gestão (SIGE e respectivo Hardware) bem como planos de comunicação.

Ainda no que respeita a organização interna (competitividade e produtividade) e praticas comerciais a empresa opta por se dotar de condições para que a sua actividade não tenha passos limitantes ou redundâncias processuais. Para tal o investimento em diversas plataformas e sistemas informáticos de gestão devidamente inter operacionalizados é uma constante neste plano de investimento.

Cofinanciado por

SI I&DT

NÚMERO UNIVERSAL DE PROJECTO
POCI-01-0247-FEDER-017644
DENOMINAÇÃO
HTPDIR.: Human Tracking and Perception in Dynamic Immersive Rooms
MEDIDA
SI I&DT Empresarial - Copromoção
AVISO
33/SI/2015 - INCENTIVOS À INVESTIGAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO (Copromoção)
AUTORIDADE DE GESTÃO
Programa Operacional Competitividade e Internacionalização
ORGANISMO INTERMÉDIO
Agência Nacional de Inovação
DATA DE CANDIDATURA
2016-03-14
DATA DE INICIO DE INVESTIMENTO
2017-02-01
DATA DE FIM DE INVESTIMENTO PREVISTO
2020-01-31
ENTIDADES ENVOLVIDAS
  • Sketchpixel - Multimédia E Visual Effects Lda: líder de projeto
  • "Institut of systems and Robotics" da Universidade de Coimbra: Co-promotor
  • Instituto Politécnico de Tomar: Co-promotor
MONTANTE ELEGIVEL ENVOLVIDO
926.641,73€
INCENTIVO ATRIBUÍDO
702.371,44€
NATUREZA DO INCENTIVO
Não Reembolsável
LOCALIZAÇÃO DO PROJECTO
  • Sketchpixel: Braga
  • "Institut of systems and Robotics" da Universidade de Coimbra: Coimbra
  • Instituto Politécnico de Tomar: Tomar

RESUMO DO PROJECTO

São reconhecidas as potencialidades dos sistemas de realidade imersiva e o seu vasto campo de aplicação. Apesar dos inúmeros sistemas disponíveis, não existem atualmente soluções que façam o mapeamento de obstáculos estáticos e dinâmicos no espaço físico, tendo os utilizadores de circular em salas vazias, ou realizar a interação com o sistema imersivo num espaço muito reduzido. Por outro lado, o seguimento dos utilizadores assenta apenas na cabeça do utilizador (ou mãos, através do uso de controladores), ou quando é feito o seguimento adicional dos membros e mãos, é necessário que o utilizador esteja num espaço limitado frontal a sensores RGB-D ou outros. O seguimento de movimento todo o corpo em espaços de maior área é normalmente resolvido recorrendo a identificadores com modulação ótica ou de radiofrequência colocados em vários pontos do corpo e à custa de sensores de alta frequência para captação desses identificadores, tornando os sistemas pouco flexíveis e extremamente dispendiosos.

Propõe-se neste projeto o desenvolvimento de um sistema de baixo custo, baseado em vários sensores RGB-D (>=4), que forneça simultaneamente o seguimento total do utilizador em qualquer ponto no espaço em áreas de grandes (dezenas de m2), em ambientes não estruturados e dinâmicos, com reconhecimento de gestos do utilizador para uma interação mais natural com o ambiente imersivo, bem como a interação com o mundo real a partir do mundo imersivo.

Esta aplicação vai permitir a utilização em diversas áreas, desde a área comercial (promoção imobiliária, permitindo mostrar futuros acabamento/ decoração em espaços), ensino (simulação de espaços em salas de aula, museus, showrooms), treino em simulacro (simulação de situação de acidente, treino policia, treino social). As potencialidades de adaptar qualquer espaço a um novo mundo virtual, dinâmico em que o utilizador se pode deslocar nele, abre todo um novo leque de soluções com um potencial de ser explorado em diversas áreas de atividade.

Ficha do Projecto

Cofinanciado por